07 maio 2012

Escritoras e Mães (Parte I)

Já que a semana é toda voltada à elas, dedicaremos alguns posts listando algumas das grandes escritoras e mães, conhecidas mundialmente ou nem tanto, que contribuíram não só à nossa literatura, mas que com carinho e cuidado de mãe mostraram suas visões, deixaram um legado, e com a alma feminina tocaram e transformaram vidas e opiniões.

Agatha Christie (1890 – 1976) – Britânica, teve uma única filha Rosalind Hicks, (nascida em 1919) com o seu primeiro marido Coronel Archibald Christie, e em 1943 ganha um neto, Mathew. Escreveu mais de 80 livros, ela é a autora mais publicada de todos os tempos em qualquer idioma com mais de 4 bilhões de cópias vendidas. Conhecida como “A Rainha do Crime”, seus romances policiais indesvendáveis até o final da história estão quase sempre envoltos numa atmosfera de mistério e crimes dos mais diversos gêneros. Sua filha faleceu em 2004, e seu neto Mathew, reside atualmente no País de Gales e tem 3 filhos.
Agatha e Rosalind

Clarice Lispector (1920 – 1977) – A famosa escritora nacionalizada brasileira era na verdade Ucraniana, mas chegou ao Brasil ainda bebê com sua família. Escreveu 21 livros, foi romancista, contista, cronista e jornalista. Mãe de 2 filhos, Pedro, natural da Suíça em 1948, que com apenas 11 anos de idade foi diagnosticado com esquizofrenia, doença esta que fez Lispector se sentir culpada até o fim de seus dias, por não saber lidar com a situação; e seu segundo filho, Paulo, nascido cinco anos depois de seu irmão, em Washington D. C. Ambos ela teve com o esposo Maury Gurgel Valente. Clarice escrevia seus romances com a máquina de escrever no colo enquanto cuidava dos filhos pequenos, e depois da separação de Maury, volta a morar no Rio de Janeiro, sozinha com os filhos. Faleceu em 1977 de câncer no ovário.
Clarice e Paulo

J. K. Rowling (1965) – É a conhecida autora da saga Harry Potter. Nasceu na Inglaterra e atualmente está com 46 anos. Seus livros, traduzidos para sessenta e quatro línguas, venderam mais de 400 milhões de cópias pelo mundo todo, e renderam a autora 1 bilhão de dólares, sendo a primeira pessoa a tornar-se bilionária escrevendo livros. Rowling é mãe de 3 crianças, Jessica, David e Mackenzie. Enquanto escrevia seu primeiro livro em pubs ingleses (pois aonde morava não tinha aquecimento no inverno, o que a levava a se refugiar nesses lugares públicos), a primogênita Jessica sempre acompanhava a mãe, em seu carrinho. Antes do reconhecimento e fama, Rowling como mãe solteira recém-separada passou por grandes dificuldades financeiras e uma forte depressão. Casou-se novamente em 2001, com o médico Neil Michael Murray e com ele teve os dois meninos.
J. K. Rowling

Clara Averbuck (1979) – Nasceu em Porto Alegre, escreveu 4 livros, blogueira, jornalista e cantora, de alma inquieta e mente efervescente, ficou conhecida através dos blogs brazileira!preta e Adiós Lounge, e por seus livros “Máquina de Pinball”, “Das Coisas Esquecidas Atrás da Estante” e “Vida de Gato”. É mãe da Catarina Averbuck Schenberg, que nasceu em São Paulo no mês de julho do ano de 2003. Atualmente a escritora atualiza seu blog no R7 Clara Averbuck.
Clara e Catarina

 Feliz Dia, Mamães!