Kerouac,

Certo dia estava eu na Livaria Cultura fuçando os quadrinhos. Eu estava me busca da biografia do Cash, mas acabei dando de cara com Kerouac,, do João Pinheiro. Kerouac é um dos meus escritores preferidos e como eu andava muito interessada em quadrinhos na época, não pensei duas vezes antes de comprar. O livro ficou algum tempo na minha estante, pois eu tinha planos de lê-lo junto a alguma obra do Kerouac, mas decidi colocá-lo na frente das demais leituras. E foi uma ótima escolha.


João Pinheiro, nascido em São Paulo é artista plástico e ilustrador associado da SIB (Sociedade dos Ilustradores do Brasil). Em entrevista ao site Quintal dos Fundos, ele contou que conheceu a Geração Beat nos idos de 1996, mas que na época era difícil encontrar os livros. Até que um dia ele encontrou em um sebo uma edição de On the Road e o livro mudou o seu modo de ver o mundo. Finalmente, em 2008, ele começou a dar vida ao que seria a obra Kerouac,.

Neste livro, João Pinheiro nos conta em forma de quadrinhos a vida de Kerouac. É uma biografia bastante concisa, mas os principais acontecimentos estão lá, tanto da vida do beat quanto do contexto histórico. Todo em preto e branco, o livro nos passa todo o "sentimento" existente no mundo beat: a estrada, o jazz, a poesia e principalmente, a inquietude de Jack Kerouac.

Confesso que não conheço muito de quadrinhos (essa parte é com a Jana), mas fiquei bastante impressionada com o trabalho do João. Ele mantém um blog sobre o livro, clique aqui para conhecer.

Já falei de Kerouac e os beats aqui, aqui e aqui.
A Jana falou da grafic novel Os Beats aqui.