21 janeiro 2013

Café com Kafka, Nietzsche e Oscar Wilde.



Todo mundo tem um livro de cabeceira, ou pelo menos deveria ter. Sabe, aquele livro que você pega de manhã enquanto toma um café para acordar, abre em uma página aleatória e espera ler algo que vá te ajudar no seu dia, seja no trabalho, nos relacionamentos, enfim, algo que te inspire.

Pois eu adotei esse aqui:



Não sei quanto à vocês, mas eu adoro citações, especialmente quando elas são de Oscar Wilde. Fato é que eu poderia buscar todas as citações desse livro na internet, mas isso seria trabalhoso, demorado e eu não faria isso deitada na minha cama de manhã. 

Um livro de cabeceira é algo que tem que estar sempre disponível para lhe oferecer umas palavras de conforto e inspiração nos momentos em que você achar necessário, e nada melhor do que ser confortada e inspirada por Oscar Wilde

Exemplo, eu sou uma pessoa meio "reclamona", confesso, e estou tentando mudar isso. Uma das frases do livro (e observações do autor) que mais me impactou foi a seguinte:
Nós devíamos simpatizar com a alegria. Quanto menos falarmos das chagas da vida, melhor.
Oscar Wilde dando tapas na minha cara logo quando acordo! Mas e se você não curte tanto Wilde? E se prefere Kafka? Sem problemas!



Há uma meta, mas não há um caminho: o que chamamos de caminho é a nossa hesitação. 
Gostou, mas Kafka não é a sua praia? Tudo bem, eu tenho uma terceira e última opção para você:


O que não nos mata nos fortalece.
Outra coisa que eu achei legal nesses livros é o preço! Dependendo do lugar ou site, você paga R$12 por livro! Se você é fã dos autores que mencionei e curte esse tipo de livro, gosta de citações e mensagens do nada que quem sabe te inspiram no seu dia-a-dia, eu diria que vale a pena comprar os três. 

Fato é que somos todos um pouco estressados, sobrecarregados e inquietos, às vezes um pouco mais de uma coisa do que outra. E fato é que os três autores são incríveis e se eles têm algo a me ensinar, eu quero aprender!

Não é a literatura do século, deve ser um best-seller (mas muitos deles são válidos, com exceção de tons de não sei o quê e vampiros brilhantes), é simplesmente para descontrair e, quem sabe, te inspirar em um desses 99 dias. Enfim, espero que tenham gostado do post! Até a próxima.

Por: Gaby