24 fevereiro 2013

Habibi - Craig Thompson


Uma graphic novel de peso sendo "resenhada" por essa que vos escreve na tentativa de mostrar um pouco do que significou para mim. Craig Thompson é foda, cara...sem mais. Ele é autor do renomado Retalhos e me pegou em cheio com a história de Habibi.
Mais uma vez, fui altamente influenciada por amigos e terceiros aos descobrir essa HQ e, quando temos pessoas de bom gosto, a indicação é certeira.


Habibi conta a história de dois escravos fugitivos e o amor que os une, em meio a idas e vindas da vida. E seria apenas isso se não fosse a genialidade do roteiro, entremeando as situações com maestria e talento. 
Dodola é uma menina esperta que é destinada a casar-se demasiadamente cedo. 
Obrigada a cumprir essa nova função de esposa, ela aceita (até de certa forma) seu papel até que tudo muda quando seu marido é morto e ela é enviada para ser vendida como escrava.
No meio de toda essa confusão, Dodola escapa levando consigo o pequeno Zam, ainda bebê.
Eles crescem no deserto, sozinhos e tendo apenas um ao outro como companhia. Dodola conta histórias para acalmar, alegrar e passar o tempo para Zam, todas elas com lições valiosas que vão marcar o futuro do menino.
Mas, como tudo é finito, Dodola e Zam são separados e muitas outras situações ocorrem à partir disso.


olha como é linda só a primeira página

É um livro lindo sobre luta e superação do ser humano...porém, antes de tudo é uma denúncia a fatos que ainda são recorrentes em alguns lugares do mundo: a miséria. Onde os pais, muitas vezes por tradição ou falta de opção, são obrigados a "vender" suas filhas em casamentos arranjados com idade prematura, causando grande choque e sofrimento nessas meninas.
Também é um manifesto ao machismo, opressão, preconceito e a repressão das mulheres.
Olhando ainda sobre outro âmbito, Habibi é um livro que visa diminuir a "islamofobia" e mostrar o outro lado da religião que quase ninguém conhece, especialmente depois do 11 de setembro.
Craig recorreu ao Corão e também ao fantástico Mil e uma noites para servir de pano de fundo para a narrativa, misturados de maneira única e criativa.



Os traços e o acabamento do livro pra mim são um capítulo a parte: fantásticos! Impecável os detalhes e o tratamento que ele dá ao tema Islã, com todos os detalhes e arranjos característicos dele. Ah, a capa - apesar de capa mole - é linda! Vale demais cada centavo.


Por fim, falando da obra, eu gostaria de salientar que é um quadrinho caro. Mas é grande, pesado (viram a foto acima, né?) e bem acabado. 
A história é linda, emocionante e - garanto - vocês não vão parar da primeira a última página...com foi comigo.


HABIBI
Craig Thompson
Ed. Quadrinhos na CIA
em média: R$50,00