21 julho 2013

Liberta-me - Tahereh Mafi



Hoje irei falar sobre uma obra lançada pela Editora Novo Conceito chamada Liberta-me, da autora americana Tahereh Mafi. Ela tem apenas 25 anos e sua trilogia já é um sucesso. Seu primeiro livro é Estilhaça-me, onde conhecemos a história de Juliette, a protagonista da trilogia. Uma garota com 17 anos, presa no Restabelecimento e que não pode tocar outra pessoa pois pode matar alguém caso isso aconteça.

Liberta-me é o segundo volume da trilogia, e acompanhamos o drama de Juliette que fugiu do Restabelecimento. Ela se encontra refugiada com o Ponto Ômega, uma espécie de abrigo secreto que luta contra a tirania do Restabelecimento, a fim de libertar a população que se encontra escrava e dominada por eles.
Além de se concentrar na grande luta contra as forças do Restabelecimento, acompanhamos também as emoções confusas de Juliette com relação ao amor. Dividida entre Adam, o mocinho que a salvou da prisão em que se encontrava, e o vilão que a encarcerou - Warner - que exerce um poder de sedução muito forte sobre a protagonista. E que parece realmente estar apaixonado por ela. A situação complica porque ambos podem tocá-la, mas Adam pode se machucar com isso... O mesmo risco não acontece a Warner...

O livro é entremeado de ação, romance e uma pitada de drama. Tudo na medida certa para não cair no 'lugar-comum'. Escrito de forma que prende a atenção do leitor, o livro é delicioso. Não dá pra parar de ler. São mais de 400 páginas recheadas de uma história extasiante.

Outro ponto tocante do livro é maneira como Juliette luta contra suas emoções, em meio a um mundo acabando em guerra lá fora. E isso a deixa ainda mais desesperada, se sentindo egoísta, mas ainda assim, ela consegue forças para lutar pelas pessoas, para ajudar a si mesma a lidar com sua condição e tentar ser feliz e aceita no meio em que se encontra.

Simplesmente imperdível. Liberta-me é sobre sobreviver ao caos, é sobre aceitação, e, sobretudo, o amor de uma adolescente incomum...


Por Maria Valéria