10 outubro 2014

Tag - Fahrenheit 451...

Olá, pessoal. E vamos a mais um post pra começar bem a semana. Infelizmente andei sumida daqui porque estou em período de provas, então são muitos trabalhos e avaliações para corrigir, cadernetas a preencher, e logo vou começar a recuperação de alguns alunos, então o tempo ficou bem curto esses dias... Pra vocês terem uma idéia, nem tô lendo bem ultimamente, estou atrasada com a leitura de apenas um livro, e ele nem é ruim, é só por falta de tempo pra terminá-lo mesmo... Enfim...
Bem, a tag que trago hoje é "Fahrenheit 451", que vi no blog da Maura e consiste em listar os livros que você salvaria de uma fogueira... Sim, foi a tag mais dolorosa que já respondi até hoje, e sinto não ter colocado vários livros queridos na lista... mas, são apenas cinco. Vejamos a minha listinha...


1- Você mora em uma casa onde há um pequeno esconderijo, onde caberiam uns 5 livros para serem salvos do fogo. Quais cinco livros você salvaria?


Que dó responder isso...

  1. O morro dos ventos uivantes, Emilie Brontë.
  2. On the Road, Jack Kerouac.
  3. Delta de Vênus, Anais Nïn.
  4. A insustentável leveza do ser, Milan Kundera.
  5. Dracula, Bram Stocker.


O primeiro da lista foi presente da minha irmã. O segundo foi presente de meu amor, o terceiro foi indicação de um querido amigo. O quarto livro eu me identifiquei demais com alguns personagens e Dracula é representando meu fascínio pelo 'sobrenatural'... 



2- Por mais que a gente ame livros, há aqueles que provocam uma certa ira na nossa vida de leitor, seja pelo motivo que for... Partindo desse pressuposto, escolha 3 livros que você não salvaria da fogueira, sem dó, nem piedade.


Essa é mais fácil de responder. Claro que queimaria os meus odiados...

  1. Trilogia 50 tons de cinza.
  2. Série Crepúsculo.
  3. Série Harry Potter.

Sei que muitos passaram a me odiar depois de saber que detesto esses livros, mas não estou nem aí. Não gosto, não sou obrigada e não perderia tempo salvando de um incêndio, tendo tantos outros títulos interessantes para mim a serem salvos. Não me importo que HP marcou a vida de muitos, não me importo que os vampiros com glitter emocionaram milhões ou que 50 tons fez pessoas terem um orgasmo [eu brochei lendo, sério]. Deixaria queimar sem dó. HAHAHA

3- Se você tivesse que ler um livro (apenas um!) para decorar o seu conteúdo, por completo, para que pudesse falar partes dele para os outros, citar trechos inesquecíveis, apenas da sua memória, que livro seria esse? 

Difícil responder essa também, mas eu escolheria Morangos Mofados, Caio F. Abreu. Não iria permitir que a escrita de Caio caísse no esquecimento... 


Bem, então é isso. Não vou indicar alguém em específico, mas quem quiser fazer, sinta-se à vontade. E comentem aqui suas preferências, pois eu gostaria de saber quem você salvaria da fogueira inquisitória do mundo de Fahrenheit 451... 


Até a próxima. ^.~